Erro no. 3: Ameaçar, ameaçar, ameaçar e…não cumprir

Você já passou pela situação de ter de chamar a atenção de um aluno “indefinidamente” e ele nem dar a mínima para você ? Com certeza, nessa situação você chamou a atenção uma vez, depois duas, depois três e……nada do aluno fazer o que você pedia.

Na verdade demorei muito para aprender que, ao dar vários “avisos” eu estava, dando ao aluno um passe livre para que ele continuasse a fazer o errado.

Você já deve, também ter ouvido a seguinte pérola do aluno: “ não adianta mandar bilhete não, porque minha mãe não vai fazer nada comigo “.

No meu primeiro ano de magistério, lá estava eu ávida para aplicar tudo o que havia aprendido na Faculdade. Agora era a hora de colocar em prática tudo o que os teóricos e especialistas diziam que era apropriado para disciplinar os alunos mais afoitos.

Então o que eu fazia quando os ânimos começavam a ficar inflamados e a sala a sair do controle era pegar o giz de escrever e anotar no quadro o nome de quem estava bagunçando. Como segundo aviso, caso o aluno continuasse bagunçando , (claro que eles continuavam), eu fazia o quê? Uma MARCA ao lado do nome dele que já estava no quadro. E como terceiro aviso, caso ele ainda persistisse na bagunça (eles sempre persistiam), eu sempre encontrava uma outra mega maneira que não levava a nada.

Como eu logo descobri, esse “sistema” não funcionaria nunca. Quem iria intimidar-se com o nome no quadro ? Ou com uma marca ao lado do nome ? O aluno sempre esperava que eu fornecesse uma conseqüência , e na verdade o que eu dava para ele era um “ passe livre” para continuar bagunçando.

No final da aula, além de eu ter uma folha toda decorada e marcada com vários nomes eu ainda continuava com uma sala de aula toda desgovernada. Moral da estória: eu estava longe de saber o que devia fazer.

Depois de muito observar, tentar, testar, insistir, retroceder depois voltar, analisar os teóricos e os especialistas, constatei que não existe uma receita que se aplique a toda as situações. Cada indivíduo e cada situação, são únicos e, portanto exigirão soluções específicas.

Infelizmente, há muitos Educadores ávidos de soluções prontas, ficam eternamente em busca do “ Santo Graal da Sala de Aula” e se frustram dizendo que a teoria, que cursos, que idéias, que sugestões, nada funcionam.

O fato é que, TUDO contribui para criarmos o nosso próprio sistema de gerenciamento da sala de aula no que diz respeito a criar as conseqüências, as regras, o manejo da turma, a preparação das aulas, a seleção das estratégias e atividades.

Seja lá qual for a conseqüência que você tenha definido para inibir o comportamento desrespeitoso de um aluno, seja tirá-lo da sala de aula, seja fazê-lo apresentar um resumo da lição para todos da sala no intuíto de verificar o entendimento, seja chamar os Pais, acionar a Coordenação, fazê-lo copiar 100 vezes no caderno “ não farei mais isso” (ainda tem Professor que pede isso), o segredo é: aplicar a consequência IMEDIATAMENTE.

Isso mesmo, sem dar aviso, sem dar dica, sem ficar adulando ou ameaçando. A eficácia de qualquer sistema de gerenciamento da sala de aula envolve a seguinte premissa: cumpra, imediatamente, o que foi combinado. Nada de julgamentos, bate-boca, justificativas. Seja certeiro e cumpra a sentença.

Aqui vai um alerta: você não dará o aviso porque todas as consequências e regras já foram COMBINADAS. No início do ano é de praxe definirmos a “Constituição da Sala” ou “Combinados da Classe”, onde todos já sabem o que acontecerá em cada situação, ou regra que for infringida. Antes de aplicar a consequência o Professor sempre fará referência aos ” Combinados” (deixe as consequências por escrito sempre à mostra na sala de aula). Outro modo de aplicar a consequência é sempre antes perguntar para a classe o que foi combinado para aquela situação, deste modo o aluno a ser disciplinado tira o foco do Professor e se concentra na reparação do erro.

Faça a seguinte conta: Em uma sala com 30 alunos, cada um tem direito a receber até 3 avisos antes que o Professor tome alguma providência teremos então 90 momentos de bagunça até que o aluno receba a devida conseqüência pelos seus atos. Então a saída é: não dar aviso NENHUM.

Errado: “ Átila, fique quieto. Se eu tiver que ir até a sua carteira, você já sabe o que vou fazer, blá, blá, blá “

Correto: “ Átila, você está atrapalhando a sala de aula. Você ficará 15 minutos após a aula para finalizar suas tarefas”

Talvez a sua pergunta seja: “ A estória terminaria aí ” ? Provavelmente não. No entanto ao cessar em dar tantos avisos, ou de ficar ameaçando e não fazendo nada, o Professor estará contribuindo para criar uma atmosfera de paz.

Se você já desenvolveu ou está desenvolvendo um sistema de gerenciamento de sala, compartilhe no nosso blog. Trocar experiências com outros colegas pode fornecer excelentes idéias e estratégias.

botao-anteriorbotao-proximo

Roseli Brito: Pedagoga, Psicopedagoga Clínica e Institucional, Neuroeducadora e Coach.

81 Comentários

  • ERIKA H. Stark

    A minha sugestão é dar uma função de fiscalizar os colegas , ele deverrá cuidar para que os outros não perturbem , fazê-lo se sentir importante, Outra sugestão [colocar as carteiras em furma de * U * para que todos vissem so o Professor , adotar um fundo musical para relaxar os ânimos , Asvezes uma mudança traz a grande diferença !

  • Adrilene

    A sala de aula está desafiadora a cada dia que se passa,trabalho em uma escola onde alunos indisciplinares não tem apoio da família e acabamos fazendo papel de pais, dando-lhes carinho e a merecida atenção.Assistimos o filme TRIUNFO,com ele refletimos nossos papéis,foi uma experiencia maravilhosa,pois os próprios alunos criaram regras para uma boa convivência em sala de aula.Aproveite vc mestre para levar o filme para sua semana de adaptação com as crianças,você verá o quanto ele ajudará em nossa prática.

  • Eliane Leite

    Eliane Leite
    Este ano obtive mais sucesso nas aulas de literatura.Porque a disciplina dos alunos foi mais controlada.Falo pouco,baixo e quando prometo cumpro.Todas as dicas são de grande ajuda,no meu dia-a-dia de sala de aula.Obrigada a todos!E muita paciência e fé.

  • Maria da Soledade

    O curso Disciplina na sala de aula
    está sendo muito útil para os módulos II
    na escola que trabalho gestora.
    Maria da Soledade

  • ROBERTHA

    OLÁ!
    ESTOU TRABALHANDO COM TURMA DE 4 ANOS. POREM AS CRIANÇAS SO QUEREM OBEDECER A PROFESSORA TITULAR.NA AUSENCIA DELA ELES APRESENTAM COMPORTAMENTOS INADEQUADOS( GRITA,CORRE,BATE NA MESA,ETC…).
    o QUE FAÇO?

  • ALBA

    No momento que estava lendo passa um filme em nossa cabeça.A situação na sala de aula onde todos com desafios de gerenciamento. O bom é que compartilhamos estas situações que tanto nos inquieta. E as inquietudes de buscar alternativas é que faz a diferença.

  • AMANDA MONTEIRO

    Adorei as dicas!
    Vou começar a aplicá-las imediatamente, pois é assim que está acontecendo comigo e já estou desesperada por não conseguir colocar a sala em ordem, em paz!
    Muito obrigada!!!

  • Kátia

    Dicas preciosíssimas!!!
    Basta recordarmos a nossa infância… sabíamos claramente quando nossos pais iam nos disciplinar, em que grau seria a disciplina, pela maneira como agiam. Como diz o ditado popular: CÃO QUE LADRA NÃO MORDE! Precisamos agir mais e falar menos…
    Muito obrigada por mais essa lição!

  • Marinalva Aparecida Consoli

    Boa noite!
    Ótimas dicas para nós professores.
    Hoje cada sala é um desafio, indisciplina, não atendem as regras e muitas vezes os responsáveis fala que também não sabem o que fazer. O difícil é que o aluno passa pelas regras possíveis e lá está Ele novamente na sala e nada é resolvido.
    Quem acaba sofrendo e ficando doente é o professor.
    Abraço.

  • Eliene

    As dicas são validas, porém precisamos estar atenta para cada faixa etária.
    Em minha turma de quarto ano ficar sem recreio funciona, eu fico com o aluno em sala e lhe dou algumas tarefas como: me ajudar a arrumar o armário, selecionar atividades etc.
    Abraço!

  • Klébia Reis

    Adorei, as dicas, sou professora de geografia do 6° ao 9º ano e na minha aula faço oração inicial e ao término de cada aula. Cada aluno é responsável por uma oração inicial e final.E a turma aprendeu muito a disciplina com simples palavras nas orações.E eu me sinto grata por ajudar alguns alunos com problemas de casa também.Obrigada pelos depoimentos gratificante.
    Bjs

  • Eliana Silva

    Rodrigo Vargas boa tarde,
    Obrigada pela dica, gostei…precisamos tentar!
    Grata pela atenção!
    Abraço!

  • Eliana Silva

    Roseli boa tarde,
    Deus lhe pague por tudo.
    Fico mais tranquila sempre com seus artigos e conselhos…sempre me apoio em seus textos e tento seguir meu objetivo…Obrigada pela sua atenção.
    Grata,
    Forte abraço.
    Att. Eliana

  • Marli Santos

    Ao ler os comentários acima, fiquei decepcionada com os erros de Português de alguns colegas. O que está acontecendo, afinal?…O mestre precisa ser bem preparado, gente! Perdoem minha franqueza, mas não consigo me calar diante disso. Há muita coisa errada na Educação em nosso país e é fundamental começar a analisá-las. A falta de professores bem preparados pode ser uma delas.

  • aline

    nossa quando eu estava trabalhando com alunos do quarto ano passei por sircustácia desse tipo, e a sua dica é otima hoje to numa creche e diariamente passo por momentos assim com algumas criaças de três a quatro anos sem dominio algum, tem algumas q até ficar um poco quieta e fazer a sua tarefinha da tarde nossa apronta um bocado logo eu comesei a trabalhar esse ano então tudo é muito novo pra mim aida mais educAção infatl q requer o maximo de atenção, o seu blog ta me ajudando muito obrigada por suas dicas e se alguns de vcs obtiver experiecias em creches deixe um comentario pra mim.

  • Rita Garcia

    Prezada Roseli,

    Bom Dia!

    Fiz minha inscrição, porém não recebi o boleto ainda…

    Enfim agora é que estou tendo acesso aos textos, este foi o primeiro , e [é bastante pontual.

    Nossa escola tem o Regimento, as Normas da U.E e o Código construído elos professores junto aos alunos. Estamos vivendo a retomada do Código e das atitudes prontas dos professores , pois vc tem razão só cumprindo a sanção combinada prontamente é que o clima da sala de aula vai se estabilizando do 1º. ao 5º. Anos é mais estável devido aos professores não terem tantos revezamentos. Desta forma vou solicializar o conteúdo do blog a fim de que a equipe docente perceba que estamos no caminho certo ! Ressaçltando que cada um gerencia sua aula e cumpre o combinado.

    Parabéns!

    Abraços fraternos!

    Rita Garcia

  • Silvia Helena -

    Bom dia!
    Obrigado pela oportunidade de nos ajudar, desde quando fui apresentada ao site venho desempenhando meu trabalho de educadora, faz apenas dois anos nessa área, mas ja aprendi muito com as dicas, e estão sendo aplicados dentro da minha sala, obrigado a todos que contribui tbém pelas dicas, agora ja estamos chegando na reta final de mais um ano cumprido de amor e dedicação pelos nossos pequenos filhos de todos os dias e durante o ano todo.

  • Neide

    obrigada querida,
    Eu trabalho tambem esse metodo,
    bjus

  • Neide

    obrigada querida,
    Eu trabalho tambem esse metodo,
    bjus

  • perciliana

    Roseli,
    gostei muito das dicas.
    Eu fazia desse jeito colocar o nome no quadro e marcar, mas realmente ñ funciona.Hj ñ faço mais.
    Obrigada por cada conselho maravilhoso.Deus te proteja.

    Abraços…

    Perciliana

  • Maria Lucilene de Paulo

    Rozeli,
    Estou atualmente trabalhando numa escola como coordenadora, gostei de todas as dicas de como gerenciar uma sala de aula.Já repassei para meus professores, eles estão colocando em prática, já estamos percebendo resultados.

    Abraços…

    Lucilene

  • raquel maria

    Querida Rozeli,
    Cada dia me sinto mais feliz e realizada quando leio seus artigos pois fico me sentno mais sábia, pois tenho refletido muito e vejo que poderia ter aprendido mais anteriormente, mesmo ja querendo me aposentar percebo que ainda tenho muito a ensinar.

  • Arnobio Magalhaes

    Olá! Professora. Queria lhe dizer que suas dicas são muito boas, mas quando se trata de alunos do ensino médio? Qual estrtégia seria melhor?
    Um abraço!

  • Josineide

    Olá! Tenho uma turma com 31 alunos, e destes 6 garotos são uns verdadeiros condutores de energia, tuas dicas tem me ajudado bastante a me organizar e gerencia a sal, mas percebo que estes alunos a cada dia ficam mais indiciplinados, e o mais grave é que a família não tem pulso. Não nei como ajudar estes seres indiciplinados. obg. por sua ajuda. beijos jisineide

  • celia

    Boa tarde Roseli estou muito grata pelas suas dicas maravilhosas,estou aprendendo muito com vc. Descobri que muita coisa que eu fazia era errada…. estou melhorando com sua ajuda. beijos.

  • ilzanir

    Roseli, bom dia!
    As dicas são ótimas, mas com horas aulas não dar certo, pois entre uma aula e outra entra outro professor. O que fazer,me oriente. Abraços

  • Marluce Sá

    Roseli, bom dia!
    Mais uma vez venho parabenizar o SOS Professor pelo ótimo texto postado. As dicas são ótimas, tenha certeza de que este é mais um material a ser explorado no nosso AC. A linguagem clara, direta e acertiva vai contribuir e muito com a prática de muitos profissionais.
    Abraços a todos, Marluce Sá.

  • creusa gomes de abreu abdala

    Suas dicas têm me ajudado muito. Eu me pego sempre fazendo ameaças e não cumprindo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *